segunda-feira, 19 de dezembro de 2011

Uma cidade que mora em apartamento

Caminhando por Buenos Aires - e olha que a minha quilometragem aqui é alta - não lembro de ter visto nenhuma casa. Casa, ué. Jardim, dois ou três quartos, cozinha, sala, banheiro. Pelo menos no centro, todo mundo vive em apartamento. E como as pessoas não têm terra ou plantas em casa, aproveitam os parques e praças.
Daí que, além de morar em apartamento, as pessoas têm cachorros que não levam para passear. Vi, nos parques, ilhas de cachorros. Passeadores de cachorros juntam as dezenas de cachorros que foram contratados para levar para passear e amarram suas coleiras nas árvores. A praça acaba virando extensão do banheiro...
Mesmo nas praças da cidade, que são rodeadas de avenidas e prédios, há pessoas de biquini curtindo a natureza. Em qualquer hora do dia haverá pessoas se exercitando (correndo, alongando etc.) nas praças e parques de Buenos Aires. Ainda bem que Buenos Aires é bem servida de parques e praças e que seu paisagista-mor foi Carlos Thays, que espalhou jacarandás e paineiras pela cidade toda.

Nenhum comentário: