domingo, 11 de dezembro de 2011

Olho opaco

Foto de Mama ou Ulla, não sei

Mustafá amanheceu outra pessoa no sábado. Parecia cansado, mantinha os olhos fechados, se escondia em lugares escuros. Quando pus comidinha mole pros gatos, ele saiu do esconderijo, mas parou no meio do caminho. Quando o coloquei de frente pra comida, ele saiu correndo.

Apertei o corpo dele todo, pra ver se ele reclamava de dor no estômago, intestino, garganta. O que ele não deixava eu tocar era a sua cabeça. O olho esquerdo estava meio aberto. A temperatura dele não me pareceu elevada, mas recusar comidinha mole foi sinal de que ele não estava normal. Botei o gato na caixinha e a caixinha na bicicleta. Mustafá não ligou a sirene que ele costuma usar quando viaja até a veterinária. Miava, mas eram meros sinais de vida.

A veterinária iluminou os olhos azuis do Mustafá e notou que o olho esquerdo, que ele mantinha meio fechado, estava opaco. De fato, parecia que uma nuvem cobria o olho dele. Deu uma injeção em cada perna (analgésico e antiinflamatório) e três gotas de colírio. Pediu que eu o trouxesse de volta na segunda. Quando fui pagar, ela comentou que um outro gato tinha aparecido na mesma semana com os mesmos sintomas. Prometeu que ia estudar esse mistério.

Chegando em casa, Mustafá logo comeu, abriu os dois olhos e me deixou ver que o olho esquerdo estava com a íris mais dilatada e difusa e que o azul estava mais pra cinza borrado. Passou o resto do sábado grudado em mim, totalmente carinhoso e sonolento.

No domingo, Mustafá já era ele mesmo de novo: mordia e arranhava tudo, pulava em cima da Akari, unhava as visitas e limpou o pratinho da Akari. O olho esquerdo não mudou de ontem pra hoje e só consigo administrar duas gotas de colírio a cada oito horas.

4 comentários:

Mônica disse...

Nossa! Esse é o Mustafá? Está lindo!

Mônica disse...

Mustafá voltou na vet? Ela descobriu o que os gatos estão tendo?

iglou disse...

Oi, Mônica

voltamos hoje na veterinária. Terceira injeção de antibiótico e analgésico e não vai precisar mais, porque o olho dele melhorou 98%. Agora só tem que aplicar o colírio a cada 8 horas até sábado, para completar uma semana.

A veterinária me mostrou fotos no livro de oftalmo, mas eu só lembro da explicação que eu pensei em dar a ela sobre a palavra "mormente", que ela espontaneamente traduziu como "normalmente" e acabei esquecendo o nome da doença que ela identificou.

Essa doença se dá mormente em cães e gatos que vivem em zonas tropicais e não tem causa conhecida nem tratamento recomendado.

Mas segundo a veterinária, os 3 gatos responderam super bem às injeções de antibiótico e analgésico.

O que continua me intrigando é que Mustafá foge de comidinha mole. Sério. Ele ouve o barulho do pires mágico e vem correndo. Sente o cheiro e vê a comida e vapt, dispara a correr pra longe. Akari está comendo duas porções de comidinha mole.

iglou disse...

Florida Spots! Acho que é isso...