segunda-feira, 13 de outubro de 2008

Bingo

Quase terminei de estudar pro concurso de Londrina. Tenho que estar preparada pra dissertar sobre dez 'pontos' e posso dizer que estudei pra nove deles:

1. Morfologia do verbo
2. Coordenação e subordinação
3. Significação e contexto: ambigüidade, pressuposição e implicatura
4. Fonologia do Português: aspectos históricos e descritivos
5. Gêneros textuais da esfera acadêmica
6. Intertextualidade e polissemia
7. Variação lingüística
8. Coesão e coerência textuais
9. Formação do leitor: mídia e educação

A maior parte destes pontos está interrelacionada, e foi legal estudar as relações entre morfologia verbal e coesão textual, por exemplo, que por sua vez está ligada a questões de coordenação e subordinação e assim por diante. Todos estes pontos, por mais que enveredem pra questões de ensino, são objeto de estudo da Lingüística e eu sei a que autores devo me voltar pra estudar quais pontos.

O décimo ponto me preocupava: 'expressividade e afetividade'.

Que área da Lingüística estuda isso? Quem escreveu sobre isso? O que eu sei sobre isso? Juntei umas informações dispersas sobre como crianças (e adultos) expressam afetividade através de diminutivos. Sobre como os sujeitos afásicos que eu conheço usam gestos, entonação e música para expressar afetividade. Percebi que descrever afetividade e expressividade no âmbito da Lingüística era um projeto deveras ambicioso. Seria um projeto de descrever não só a língua, mas também seus usos. Que autor faria isso?

Não vou dizer, porque tenho 16 concorrentes na prova escrita. Mas eu matei a charada. And there was light.

Nenhum comentário: