domingo, 12 de outubro de 2008

Nem...

No cardápio temos os gerúndios, que saem mais:

nem fodendo
nem ferrando
nem cagando

De gosto mais refinado são os oracionais:

nem se for de graça
nem se eu quisesse
nem que a vaca tussa

Insossos e inclassificados (mas só porque não quero gastar muitas sinapses nisso):

nem pintado de ouro
nem me fale
nem pensar

Pra fechar, temos de sobremesa os sintagmas preposicionais:

nem por decreto
nem em sonho
nem com açúcar

Quem dá mais? Estou aberta a sugestões.

2 comentários:

Mazu disse...

ei! isso ta com cara de poema! Lou, é vc? vc ta com febre?
rsrsrs

iglou disse...

nem!