segunda-feira, 29 de setembro de 2008

Seu Jorge

A carne mais barata do mercado
É a carne negra!
Que vai de graça pro presídio
E para debaixo do plástico
E vai de graça pro subemprego
E pros hospitais psiquiátricos

Esse negão da voz grossa ganhou o meu respeito. Pena que ele só tocou umas 4 ou 5 músicas.

3 comentários:

Natalie Rios disse...

Todo camburão tem um pouco de navio negreiro...

-Rol disse...

Foi foda... muito ainda. O lanche de R$9,00 nao foi nada comparado ao trnse hipnótico que o Dave me causou!

iglou disse...

Hehehe.
Bem-vinda, Carol!