quarta-feira, 12 de outubro de 2011

Zero a zero

Sabe quando o seu time vai jogar e você não consegue acompanhar a partida? Você fica torcendo, achando que o seu time está mais bem preparado que o outro. Você fica atento aos fogos de artifício, gritos e comemorações - que não vêm. Você olha no relógio, calcula que já estejam nos pênaltis, mas continua escutando silêncio.

Ontem aconteceu a tão esperada audiência no SESu/MEC. A reunião foi longa e as notícias demoraram a chegar. O momento mágico - que podia ser tanto a renúncia do reitor, sua exoneração sumária ou o seu afastamento (que é o que estávamos pedindo) - não aconteceu. O reitor continua no exercício da função enquanto é investigado. E as investigações serão in loco. O secretário vem na segunda-feira para averiguar as denúncias.

Durante essa semana que passamos na Reitoria, o campus foi remodelado. Lâmpadas foram instaladas, lajotas foram colocadas, enfim, o abandono foi maquiado. Ainda bem que temos fotos do antes e depois. O que não deu pra fazer nessa semana de Reitoria ocupada são as salas de aula, os gabinetes de professor, os laboratórios, o hospital universitário, o restaurante universitário, a moradia estudantil, as quadras, piscinas, teatro etc.

Placar: a greve continua, a Reitoria segue ocupada, o reitor ainda não saiu. A final foi protelada.

2 comentários:

matias disse...

A torcida pela educação é forte!

Mônica disse...

E aí? Terminou a greve? Conseguiram convencer as autoridades que é preciso dar condições de trabalho para os professores?