sexta-feira, 20 de julho de 2018

Seca florida

Caju crescendo
Aqui a umidade relativa do ar, que normalmente gira em torno de 85%, está em 40%. Mesmo com a seca, tudo está florindo. Os ipês exibem suas cores vibrantes (branco, amarelo e roxo: todos ao mesmo tempo), as sucupiras se destacam na mata, as mangueiras estão em flor.
Vinagreira, que vira chá de hibisco
 A vinagreira está cheia desses botões - que descobrimos ser a base do chá de hibisco.
Mangas temporonas
A mangueira desenvolveu algumas mangas isoladas, na face voltada pro muro da Vila (onde pega o sol da tarde). Nos anos anteriores, esse lado era o último a desenvolver flores e frutos. Agora inverteu.
A mangueira está com nova folhagem e flores
Os maracujás estão em botão de flor. Já dá pra adivinhar que as flores serão roxas, o que pra mim é indicativo de maracujá azedo. Luis não tem dúvida de que esse maracujá é doce. Os frutos dirão.
Maracujá na pérgola
Alegria maior é a pitangueira que está dando pitangas. Nunca consegui acompanhar nenhum pé de pitanga que eu tenha plantado: fiquei muito pouco tempo nas casas em que os plantei.
Pitangas!

Nenhum comentário: