quarta-feira, 5 de agosto de 2009

Parece um não sei o quê

O ônibus parece uma rodoviária
Tem gente indo e vindo e poucos permanecem sentados, esperando


A rodoviária parece sala de espera de médico
As pessoas estão caladas, esperando e lembrando dos dias bons

Sala de espera de médico parece igreja
As pessoas têm medo do mal e rezam pra ouvir seu nome anunciado

Igreja parece banco
As pessoas depositam a fé, pagam o dízimo e investem num pedaço do céu

O banco parece uma feira
Abre cedo e oferece atendimento personalizado a todos os desorientados

A feira parece uma cidade
É uma muvuca que ocupa blocos de quadras e oferece de tudo, até galinha viva

A cidade parece um deserto de asfalto
Aos pés da Amazônia.

Nenhum comentário: